Page images
PDF
EPUB

308

NOVA GRAMMATICA DA LINGUA INGLEZA.

etc.

[ocr errors]

O dactylo consta de huma syllaba longa e de duas breves, v. g. dūtiful, mūrmüring. Ex.

A beautiful creature was making her moan O anapesto consta de duas syllabas breves e de huma longa , v. g. introduce. Ex.

. 8

May I govern my passions with absolute sway, etc. Estes são os metros hoje usados. Os antigos fazião uso do verso de doze syllabas ou alexandrino. Ex.

And when all Wales beside (by fortune or by might)

Unto her ancient foe resign'd her ancient right, etc. E ás vezes de quatorze syllabas. Ex. And as the mind of such a man, that hath a long way gone And either knoweth not his way, or else would let alone, etc.

Hoje o alexandrino he só usado para diversificar os versos heroicos. Ex.

A needless Alexandrine ends the song,

That, like a wounded snake, drags its slow length along, etc. O verso de quatorze syllabas be hoje separado em dois versos alternados, hum de oito, e outro de seis syllabas. Ex.

When all shall praise, and every lay

Derote a wreath to thee,
That day, for come it will, that day

Shall I lament to see. Estes metros varião-se combinando-os de diversas maneiras.

a

FIM.

INDICE DAS MATERIAS.

PARTE PRIMEIRA.

PAGINAS.

I

VI.

[ocr errors]
[ocr errors]

Definições geraes das principaes partes da Grammatica.
Alphabetó, ...*:

4
Regras para aprender a pronunciar a lingua ingleza.

5
Lição I. Do substantivo.

28
II. Do artigo a ou an.

32
III. Plural dos nomes.

36
IV. Do genitivo de possessão.

39
V. Dos adjectivos.

42
Dos comparativos e superlativos.

46
VII. Continuação das observações sobre os compa-
tiyos,

49
VIII. Dos nomes numeraes.

53
IX. Do genero dos nomes.

58
X. Dos pronomes pessoaes.

61
. Dos pronomes possessivos.

67
Dos pronomes relativos e interrogativos. 72
XIII. Pronomes demonstrativos.

6
XIV.

Dos pronomes indefinitos.
XV. Dos verbos auxiliares.

86
XVI. Observações sobre os verbos auxiliares.

93
XVII. Conjugação do verbo regular TO CALL, cha-

mar, para servir de modelo a todos os verbos
regulares.

98
XVIII. Uso dos differentes tempos dos verbos inglezes. 105
XIX, Dos verbos irregulares.

114

.

[ocr errors]

XI.

[ocr errors]
[ocr errors]

PAGINAS.

.

121

128
133

.

[ocr errors]

Lição XX.

Dos verbos passivos, impessoaes, reflexos, re-

ciprocos e defectivos.
XXI. Das negações e interrogações.
XXII. Varias observações sobre os verbos.
XXIII. Adverbios, preposições, conjunções e inter-

jeições. •
XXIV. Das principaes preposições.

XXV. Fim das preposições..
Exercicios para pôr em prática as lições anteriores.

[ocr errors]

142
147
153
159

PARTE SEGUNDA.

1

[ocr errors]

Introducção á conversação ingleza.

193
Dialogos familiares.

1214
Termos de cortezia usados na conversação, segundo as pessoas
Com quem se trata.

329
Modelos de traducção.
Parábolas. Os pêcegos.

233
As flores predilectas.

235
Mappa dos principaes verbos inglezes com as particulas que os
acompanhão.

240
Abreviaturas inglezas.

305
Da versificação ingleza.

[ocr errors]

307

TIM. DO. INDICE DAD ADERLAG

Monstering-school-deminaris

[graphic]
[ocr errors]
[ocr errors]
[ocr errors]
[ocr errors]
[ocr errors]
[ocr errors]
[merged small][merged small][ocr errors][merged small][ocr errors][ocr errors][merged small][merged small]
« EelmineJätka »